O VALOR DOS PRINCÍPIOS EM UMA ORGANIZAÇÃO

Imagem do google
 Uma coisa me chamou atenção no último lançamento da Apple, o primeiro pós era Steve Jobs, que foi a presença do seu legado na empresa. O atual presidente da Apple Tim Cook, se vestiu, se comportou e mostrou que o jeito de ser de Steve estavam presentes naquele lançamento, deixando explicito como é forte uma cultura empresarial pautada na credibilidade, respeito e profissionalismo.

Poderíamos definir Cultura organizacional como ¹ “um sistema de valores compartilhados pelos seus membros, em todos os níveis, que diferencia uma organização das demais. Em última análise, trata-se de um conjunto de características-chave que a organização valoriza, compartilha e utiliza para atingir seus objetivos e adquirir a imortalidade”. Isso implica dizer que dizer que são os recursos psicológicos de uma corporação que nos dias atuais se fazem tão necessário quanto os físicos. Nesse ponto, podemos aprender com a Apple no legado deixado por Steve Jobs, e nos pontos elencados pelo professor Eugênio Mussak em seu artigo na Revista VOCÊ S/A na edição de abril do corrente ano, sobre quatro ícones essências em uma cultura empresarial. 

O Primeiro é o FOCO, definir os objetivos de acordo com a realidade para que a partir desse ponto possam ser estabelecidos as metas e seu plano de ação, mantendo sempre o controle das atividades e monitorando o progresso. 

O segundo é a EXCELÊNCIA, comprometimento de todos, essa a expressão para atingi-la, buscar a qualidade a todo o momento, uma vez que esse atributo deve ser algo inesgotável em uma organização, e ao atingir uma meta sempre se posicionar para buscar outras melhorias que podem ser realizadas. 

Terceiro a CONFIANÇA. Consistência, percepção, honestidade, competência, são algumas características para despertá-la, isso exige muito trabalho e empenho, e em uma organização a confiança deve ser algo marcante em sua cultura, confiança da gestão com seus clientes internos, e entre os próprios para que os trabalhos possam ser desenvolvidos da melhor maneira. 

Por ultimo, mas não menos importante temos a PAIXÃO, que englobará todas as essências citadas anteriormente. Pois quem ama não perde o FOCO, sempre busca atingir as metas, quem ama faz o seus ofícios com profunda EXCELÊNCIA, se comprometendo com a causa independente das circunstancias ou recursos porque sabe do sua importância. Assim sendo, quem ama CONFIA, ou busca despertar essa confiança através das atitudes, do seu esforço e do seu comprometimento com a organização. 

Esses quatro pontos podem ser visto claramente na cultura deixada por Steve na Apple, e mostra o porque do seu sucesso com inovações que mudaram o mundo digital e milhões em arrecadação. E como devemos tomar de exemplo todas as coisas boas, deixo essa dica para os amigos leitores. 

Finalizo com uma frase do próprio Steve que falou certa vez que não gostava de colocar botões de ligar/desligar em seus aparelhos para que eles nunca fossem desligados, pois bem, podemos dizer que dificilmente irá ter um botão para desligar a cultura que o mesmo deixou na Apple, pois ela se tornou maior que o homem que a criou.

Pedro Antoniony - Mentor PROERD 
Graduando em Administração – UFRN 
Cursando MBA em Marketing - UNP


¹http://www.administradores.com.br/informe-se/artigos/o-que-e-cultura-organizacional/46093/

Comentários

Postagens mais visitadas